quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

RESGATE DO TEMPO

O tempo...
O tempo passa? o tempo não passa?
O que é o tempo???
Releio aqui meu blog e vejo mensagens que foram escritas há um tempo atras, e ao visualizá-las percebo que o tempo passou, porque estou melhor que quando escrevi...
Entretanto, se eu postá-las hoje perco o dia que foi escrita no tempo... kkk
Talvez não percebamos o tempo, quando deixamos de realizar algo.
Hoje eu olhando para um relógio, percebi que ele foi um dos presentes ganhos de casamento, que ficou...
Algo que marca as horas, que marca o tempo, e nunca foi para o conserto, nunca pára, exceto se não abasteço com a pilha que alimenta o ritmo dele...
Nós também talvez alimentemos nossa energia no tempo...
E o que estamos fazendo com o tempo, no tempo?
Realizamos...
Ao realizar crescemos! Crescendo melhoramos, e melhorando vamos sofrendo menos...
Tudo uma questão de tampo!
E assim leio a mensagem que foi por mim escrita no tempo passado, e apertando um botão, ela fica sendo escrita hoje...
Um simples botão trás a mensagem do passado para o presente...
Mas o botão precisa ser acionado por alguém, e eu sou esse alguém que faz a mágica da minha vida acontecer!
Eu  sou o próprio tempo! Tive inicio e não terei fim...


(Não sei mais dizer que dia escrevi a mensagem abaixo... Não é perda da memória, é o tal botão que se apertado, muda o tempo...kkk)

Leia esta mensagem ouvindo Roberto Carlos cantando As Cartas de amor...
Somente ouça e leia... Porque estou escrevendo ouvindo...
Me lembro que quando adolescente ouvia mina avó Alice solfejar ou quem sabe mencionar a música em seus lábios... Love Leters
Eu até fui aprender tocar essa música no piano, sem nunca entender minha avó...
Tanto tempo, tantos anos..
E agora mais vivida, talvez, eu sinta o que a minha avó fazia eu pensar...
Eu sempre tive dificuldade de expressar sentimentos na palavras ou nas atitudes.... Talvez por isso eu goste de escrever.
O quer seria do nosso presente se não nos lembrássemos do nosso passado??? Eu não sei! Eu tenho necessidade de voltar pra trás e voltar pro presente para ir para o futuro. É como se eu pegasse fôlego no passado para ir para o futuro... E entendo então que talvez eu nunca tenha vivido o presente...
Ansiava por um futuro, e depois relembro do passado... Acho que o presente porque eu já o tenha, me permito viajar para o passado e para o futuro... Percebo que a organizadora toma conta da minha vida e me cobra o presente...
NADA DISSO sua bobinha! Você vai para o passado tentar resgatar algo que ficou lá atrás, que não vai voltar, e você sabe disso, mas é como se você na ânsia de ir para lá, retome você que está parada lá...
Tantos sonhos... tantos ideais que foram deixados ao relento... Largados em qualquer lugar e de qualquer forma, para vir para frente... E acredite Luciana, ninguém deixa coisas ao relento sem retomá-las.... Tudo deve ser entregue ao tempo... Deixados amorosamente ao vento que leva as coisas para o lugar certo...
Voltar ao passado sem querer estar lá, e sem se fazer de vítima é até interessante, mas perguntando sempre a você o que você está ganhando com isso...
E eu acredito que o ganho que eu tenha é saber que eu era capaz de sentir! É como se eu precisasse voltar a mim mesma para sentir que sou capaz de sentir!!!
Tudo bobagem...
Tudo ilusão que nos faz apenas retomar, um passo para rever e retomar outro passo para  viver...




quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Lumagri - Nutricionista: O OLHAR DA COMPAIXÃO

Lumagri - Nutricionista: O OLHAR DA COMPAIXÃO: Amanheceu e o dia está lindo, embora ainda esteja frio, mas o sol irradiando sua luz e energia transforma tudo... Parada no semáforo à cami...

O OLHAR DA COMPAIXÃO

Amanheceu e o dia está lindo, embora ainda esteja frio, mas o sol irradiando sua luz e energia transforma tudo...
Parada no semáforo à caminho do trabalho, olhando para o céu, respirando tranquilamente, talvez sem pesamento algum na mente, vejo um homem maltrapilho atravessar a rua em que estou parada, me pareceu  embriagado...
Meu primeiro ímpeto foi a reação de medo! Medo daquele ser, medo de ele vir até meu caro e me fazer sentir o medo. Ao mesmo tempo pensei no que o álcool faz com a pessoa a transformando-a em alguém desconhecido...
O maltrapilho cambaleante , falando e apontando com o braço ao léu, parecia ter alguém ao seu lado, e nisso eu também pensei que talvez ele realmente estivesse mesmo com alguém que já não vive mais, ou com alguém que a lembrança dele não apagou ou talvez seja desequilibrado das funções mentais, e de uma forma lenta ia atravessando a rua à minha frente...
Nesse instante me lembrei da aula da Beth Lamas, sobre perdoar e amar, sobre a importância do:
 Ho po no po no! e FOI NESSA HORA, nessa hora em que eu olhava aquele ser desconhecido, que eu fiz: Eu Sinto muito, Me Perdoa, Eu Te amo!
Olhava o ser e repetia mentalmente: eu sinto muito, me perdoa, eu te amo...
E então o milagre da vida aconteceu!
Senti em mim uma grande COMPAIXÃO por aquele ser! Aquele ser que também sou eu!
Emocionei a mim com aquele sentimento que me invadiu e agradeci a Deus por poder sentir o que a minha emoção falava: Consegui transformar o medo em compaixão!
E entendi então o que Jesus quis dizer com o AMA AO TEU PRÓXIMO COMO A TI MESMO!
Não sei se o ser daquela rua recebeu a minha vibração de compaixão, de amor, mas ele mudou o meu caminho, e quem sabe a minha vida.
Quando você é capaz de sentir isso, não tem como ser a mesma!
Bom dia para você!

segunda-feira, 5 de junho de 2017

A TAL LIBERDADE

NÃO AGUENTO MAIS AS PESSOAS DIZEREM  QUE SÃO LIVRES!
NÃO AGUENTO MAIS AS PESSOAS QUEREREM SER LIVRES!
MAS É REALMENTE BEM PIOR ACREDITAR-SE LIVRE, QUANDO SE ESTÁ TOTALMENTE PRESO!!!
ENTÃO O QUE É A TAL LIBERDADE?
O QUE É QUE A PESSOA SENTE PARA IR ATRÁS DA TAL LIBERDADE??
NÃO SEI!
acho MESMO QUE A TAL LIBERDADE NÃO EXISTE!
O QUE AS PESSOAS BUSCAM, É ELAS MESMAS LÁ FORA...
É O ELAS LIVRE DE PRECONCEITOS E OBRIGAÇÕES...
É O SER QUEM SÃO, MAS ACREDITANDO SER OUTRA COISA...
KKKKK
A TAL LIBERDADE É :
Você ESCREVER SOBRE O QUE NÃO SABE, NÃO ENTENDE, MAS ADORARIA TER!